código do Google analytics UNIRIO recebe sugestões para construção de novo Plano de Dados Abertos — Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro

Webmail | Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale ConoscoOuvidoria Comunicação Institucional

Central de Conteúdos

icone de uma filmadora com auto falanteAudiovisual

Icone de um calendárioEventos

Ícone de um jornal dobradoPublicações

ícone periódicosPortal de Periódicos

icone repositorio: ilustração de fundo azul com conteúdo textual na cor brancaRepositório Hórus

Você está aqui: Página Inicial / UNIRIO recebe sugestões para construção de novo Plano de Dados Abertos

UNIRIO recebe sugestões para construção de novo Plano de Dados Abertos

por daniela.oliveira — publicado 05/07/2021 11h24, última modificação 05/07/2021 14h28
Consulta pública, iniciada nesta segunda-feira (5), busca indicar quais bases da Universidade devem ser priorizadas para abertura de dados

Foi iniciada nesta segunda-feira, 5 de julho, uma consulta pública referente ao novo Plano de Dados Abertos (PDA) da UNIRIO. O objetivo é receber indicações sobre quais bases da Universidade devem ser priorizadas para abertura de seus dados.

A iniciativa segue orientação da Controladoria-Geral da União (CGU) para definir a forma como os dados da Universidade serão disponibilizados ao cidadão.

A consulta pública está disponível até o dia 23 de julho na Plataforma Participa Mais Brasil. Para participar, os interessados deverão fazer o cadastro no site https://www.gov.br/participamaisbrasil/pagina-inicial.

É possível também fazer o login utilizando o código QR Code (imagem abaixo). No smartphone ou tablet Android compatível, basta abrir o app Câmera integrado, apontar a câmera para o código QR, tocar no banner que aparece na tela e seguir as instruções na tela para concluir o login.

QR Code Plano de Dados Abertos

Sobre o PDA

A elaboração do novo Plano de Dados Abertos da UNIRIO está de acordo com o Decreto nº 8.777, de 11 de maio de 2016, que instituiu a Política de Dados Abertos, e com a Resolução nº 3, de 13 de outubro de 2017, do Comitê Gestor da Infraestrutura Nacional de Dados Abertos (CGINDA).

A Política de Dados Abertos tem por finalidade promover a publicação de dados contidos em bases de dados de órgãos e entidades da administração pública federal direta, autárquica e fundacional sob a forma de dados abertos; aprimorar a cultura de transparência pública; e franquear aos cidadãos o acesso, de forma aberta, aos dados produzidos ou acumulados pelo Poder Executivo Federal.


Capes CNPQ Imagem Rede Unirio