Portal do Governo Brasileiro

Portal de IdentificaçãoWebmail |  Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale Conosco |  Mapa do Site

PPGAN

Você está aqui: Página Inicial / UNIRIO passa a integrar a Rede Brasileira de Avaliação de Tecnologias em Saúde

UNIRIO passa a integrar a Rede Brasileira de Avaliação de Tecnologias em Saúde

por Comunicacao UNIRIO publicado 28/05/2014 16h55, última modificação 28/05/2014 17h51

A UNIRIO acaba de ser indicada como membro integrante da Rede Brasileira de Avaliação de Tecnologias em Saúde (Rebrats). Criada em 2011, a rede reúne instituições atuantes no campo da avaliação de tecnologias em saúde (ATS), que permite verificar a segurança, eficácia e impactos de produtos como medicamentos, dispositivos e próteses, de novas cirurgias e exames diagnósticos ou de modelos de unidade assistencial.

A participação da UNIRIO na Rebrats será por meio do Laboratório de Avaliação Econômica e de Tecnologias em Saúde (Laets), da Escola de Enfermagem Alfredo Pinto. A unidade desenvolve pesquisas relacionadas à fadiga de alarmes – fenômeno que aponta a redução da eficácia de dispositivos eletrônicos utilizados em unidades de saúde para monitorar os pacientes e alertar em casos de emergência.

Em 2013, o laboratório foi contemplado pelo CNPq com recursos para financiamento do projeto “Tempo Estímulo-Resposta aos Alarmes em Unidades de Cuidados Intensivos: Um Estudo sobre a Obsolescência Tecnológica de Sistemas de Salvaguarda de Monitores Multiparamétricos em Terapia Intensiva”, coordenado por Roberto Carlos Lyra da Silva, professor do Departamento de Enfermagem Fundamental e coordenador do Doutorado em Enfermagem e Biociências da UNIRIO.

“O desenvolvimento desse estudo, pioneiro no Brasil, impulsionou a candidatura para integrarmos a Rebrats. A rede conta hoje com 12 núcleos no Rio de Janeiro, e o nosso laboratório inaugura a participação da UNIRIO nesse importante grupo de instituições de pesquisa”, explica Lyra.

Além das atividades de pesquisa, o Laets desenvolveu um projeto de extensão universitária, voltado para o treinamento de profissionais de saúde que atuam em unidades de cuidados intensivos e de alta complexidade. O início das atividades, com a oferta de cursos, palestras e workshops, está previsto para o segundo semestre de 2014.

registrado em:

Acesso a Informação Capes CNPQ