código do Google analytics Pesquisadores da UNIRIO receberam termos de outorga da Faperj — Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Portal do Governo Brasileiro

Webmail | Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale ConoscoOuvidoriaImprensa

Central de Conteúdos

Icone de um calendárioEventos

Ícone de um jornal dobradoPublicações

ícone periódicosPortal de Periódicos

icone de uma filmadora com auto falanteAudiovisual

Você está aqui: Página Inicial / Pesquisadores da UNIRIO receberam termos de outorga da Faperj

Pesquisadores da UNIRIO receberam termos de outorga da Faperj

por comunicacao — publicado 30/09/2019 18h35, última modificação 01/10/2019 18h48
Evento, que contemplou 200 Cientistas do Nosso Estado (CNE) e 158 Jovens Cientistas do Nosso Estado (JCNE), foi realizado no Museu do Amanhã

Na última sexta-feira (27), em cerimônia realizada no auditório do Museu do Amanhã, cinco professores da UNIRIO receberam os termos de outorga dos seus projetos aprovados em programas de fomento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ). O evento contou com as presenças do presidente da FAPERJ, Jerson Lima Silva, do secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Leonardo Rodrigues, e do governador Wilson Witzel, que entregaram termos de outorga a 200 Cientistas do Nosso Estado (CNE) e a 158 Jovens Cientistas do Nosso Estado (JCNE).

Pela UNIRIO, foram contemplados quatro professores no edital JCNE: Anderson Junger Teodoro, com o projeto Valoração e Uso Sustentável de frutas produzidas no Estado do Rio de Janeiro; Claudia Cristina Ferreira Vasconcelos, com o projeto Busca por marcadores biológicos associados à progressão da incapacidade física, cognitiva e qualidade de vida nos pacientes com esclerose múltipla; Glenda Cristina Valim de Melo, com o projeto Da Solidão à Violência Obstétrica: Performatividade de Raça, Trajetória Textual e Indexicalidades sobre as Mulheres Negras na Internet; e Maria Amália Silva Alves de Oliveira, com o projeto Do alimento ao paladar: construção de identidades culturais através do turismo.

A professora Maria Luiza Süssekind Veríssimo Cinelli, com o projeto Currículos, conversas, criações e resistências nos cotidianos da docência, foi a única contemplada da UNIRIO na categoria CNE. A cerimônia também incluiu a entrega das outorgas aos agraciados no edital Redes de Pesquisa Cooperativa em Nanotecnologia, outro edital lançado pela Fundação, no início de abril, que prevê investimentos superiores a R$ 30 milhões.


Capes CNPQ Imagem Rede Unirio