código do Google analytics HUGG define novas ações relacionadas ao coronavírus — Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Portal do Governo Brasileiro

Webmail | Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale ConoscoOuvidoriaImprensa

Central de Conteúdos

Icone de um calendárioEventos

Ícone de um jornal dobradoPublicações

ícone periódicosPortal de Periódicos

Ícone de uma filmadora na cor branca com findo azulVídeos

Você está aqui: Página Inicial / HUGG define novas ações relacionadas ao coronavírus

HUGG define novas ações relacionadas ao coronavírus

por Comunicação publicado 16/03/2020 11h23, última modificação 24/03/2020 16h35
Grupo de trabalho da COVID-19 teve reunião de emergência no sábado (14) para alinhar procedimentos relativos a funcionários e pacientes

O Hospital Universitário Gaffrée e Guinle (HUGG) determinou uma série de procedimentos relativos a funcionários e pacientes para manejo e enfrentamento da epidemia da COVID-19, doença provocada pelo novo coronavírus. As deliberações foram discutidas no sábado (14), em reunião de emergência do grupo de trabalho constituído no hospital para tratar da epidemia.

Com relação aos funcionários, aqueles que manifestarem sintomas respiratórios devem procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência, e encaminhar o atestado e/ou declaração de comparecimento para a chefia.

Também foram definidas medidas para assistência a pacientes suspeitos e condutas de atendimento no HU. Em caso de sintomas, recomenda-se que a população busque atendimento na unidade de saúde próxima a sua residência.

Os especialistas do HUGG elaboraram um fluxo de atendimento para pacientes da maternidade e de notificação de casos suspeitos de COVID-19. Eles reforçam a importância da prevenção do contágio, com base nas orientações do Ministério da Saúde.

Mesmo antes da notificação dos primeiros casos da doença, o HUGG já vinha se preparando para a chegada do vírus ao país. Em fevereiro, a unidade realizou um treinamento específico no intuito de se adiantar e alertar os profissionais da saúde quanto a técnicas básicas de contenção da doença.


Capes CNPQ Imagem Rede Unirio