código do Google analytics Divisão de Cultura promove aulas virtuais com ator Kiko Mascarenhas — Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Portal do Governo Brasileiro

Webmail | Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale ConoscoOuvidoria Imprensa

Central de Conteúdos

Icone de um calendárioEventos

Ícone de um jornal dobradoPublicações

ícone periódicosPortal de Periódicos

icone de uma filmadora com auto falanteAudiovisual

Você está aqui: Página Inicial / Divisão de Cultura promove aulas virtuais com ator Kiko Mascarenhas

Divisão de Cultura promove aulas virtuais com ator Kiko Mascarenhas

por Comunicação publicado 14/07/2020 15h47, última modificação 14/07/2020 15h47
Primeiro encontro acontece nesta quinta-feira (16), às 16h

A Divisão de Cultura da UNIRIO irá promover uma série de aulas gratuitas com o ator Kiko Mascarenhas. Os encontros serão transmitidos pelo aplicativo Google Meet. O primeira aula acontece na próxima quinta-feira (16), a partir das 16h, com o tema Por dentro da TV. O ator contará com a presença de diretores de novelas e produtores de elenco como convidados.

O link para participação será enviado no dia no grupo formado por Amanda Gomes (21) 96667-4949, Grassi Santana (21) 98243-3382, Sarah Sanfins (21) 99621-5154, Camila (21) 99123-6940 e Andressa Toledo (21) 99308-8236. Todos os interessados deverão ingressar em um desses grupos citados para receber o link da aula. 

Carreira

Kiko Mascarenhas começou sua carreira de ator em 1984, na peça Os meninos da Rua Paulo e, desde então, construiu uma trajetória constante no teatro. Contabiliza mais de 30 peças em seu currículo, com destaque para Os altruístas, com direção de Guilherme Weber, O zoológico de vidro e O camareiro, ambas dirigidas por Ulysses Cruz, além de O desaparecimento de elefante, com direção de Monique Gardenberg.

Fez sua estréia na televisão com a novela A viagem (1994). Participou de inúmeros programas e séries, destacando-se em A diarista, Sítio do Picapau Amarelo, Casos e acasos, Tapas e beijos, Mister Brau. Seus trabalhos mais recentes foram O tempo não para e Éramos seis. No cinema, contabiliza mais de 12 longas-metragens.


Capes CNPQ Imagem Rede Unirio