Portal do Governo Brasileiro

Portal de IdentificaçãoWebmail |  Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale Conosco |  Mapa do Site

Banner

Agenda de Eventos Unirio

Informativo UNIRIO Em Foco - outubro

Você está aqui: Página Inicial / Cursos de Nutrição e Serviço Social da UNIRIO obtêm nota máxima em avaliação do MEC

Cursos de Nutrição e Serviço Social da UNIRIO obtêm nota máxima em avaliação do MEC

por Comunicacao UNIRIO publicado 28/11/2017 17h45, última modificação 01/12/2017 11h40

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) publicou nesta segunda-feira, 27 de novembro, os resultados do Conceito Preliminar de Curso (CPC) – indicador de qualidade que avalia os cursos de graduação – e do Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC) – indicador de qualidade que avalia as instituições de educação superior, ambos referentes ao ano de 2016.

Na UNIRIO, o Bacharelado em Nutrição - Noturno e o Bacharelado em Serviço Social alcançaram no CPC a nota máxima, 5. Do total de cursos avaliados pelo Inep (4.196), somente 1,9% obteve o conceito máximo.

No IGC, a UNIRIO obteve conceito 4, numa escala que vai de 1 a 5. Apenas 17,4% das instituições avaliadas conseguiram a nota 4 no índice geral de cursos.

Em 2016, foram avaliados os bacharelados nas grandes áreas de saúde, ciências agrárias e afins e os cursos tecnológicos relacionados às áreas de ambiente e saúde, produção alimentícia, recursos naturais, militar e segurança. Os resultados podem ser consultados em http://portal.inep.gov.br/web/guest/indicadores-de-qualidade.

Conjuntura

A coordenadora do curso de Nutrição noturno, Alessandra Pereira, atribui o conceito máximo a três principais fatores. O primeiro é o perfil dos alunos, muitos deles na segunda graduação, com idade mais avançada -,o que, para a coordenadora, contribui para a dinâmica do curso. A realização de concursos logo após a criação do bacharelado, em 2010, a qual ampliou o quadro de professores, a maioria já com doutorado e envolvida em projetos de ensino, pesquisa e extensão, foi outra ação apontada como fundamental para o curso.

O terceiro fator que contribuiu para o bom resultado da Nutrição, segundo Alessandra, foi ter recebido há alguns anos investimentos para equipar a Escola, o que resultou na criação de laboratórios e núcleos de estudos. “Acredito que essa conjuntura – instituição, docentes e discentes – fez com que tivéssemos esse bom resultado. Não poderia deixar de destacar também o papel da Escola, de modo geral, e o trabalho de nossos técnicos”, disse a coordenadora.

Desafios

Para Rafaela Ribeiro, coordenadora do curso de Serviço Social, o desempenho dos alunos no Enade foi o que mais contribuiu para que o curso alcançasse a nota máxima. “Recebemos o resultado com surpresa, porque em 2015 tivemos um boicote dos estudantes ao exame e passamos por um período de intervenção do MEC. Mas, em 2016, os alunos obtiveram uma nota excelente, ficamos em primeiro lugar entre os cursos de Serviço Social”, explicou.

A coordenadora destacou também o trabalho dos professores, principalmente pelo aumento do número de projetos de pesquisa e de extensão. Apesar do bom resultado, Rafaela adverte que ainda há muito pelo que lutar, como a ampliação do quadro docente e melhorias na parte de infraestrutura e de acessibilidade. “Acredito que o novo prédio do CCH [Centro de Ciências Humanas e Sociais] será um salto e tanto para nosso curso, por enquanto tem sido um grande desafio. Mas espero que esse resultado nos dê mais visibilidade e atraia mais alunos para nossa Escola”.


Acesso a Informação Capes CNPQ Imagem Rede Unirio