código do Google analytics Livro organizado por professora da UNIRIO reflete sobre processos avaliativos na educação — Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Portal do Governo Brasileiro

Webmail | Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale ConoscoOuvidoria Imprensa

Central de Conteúdos

Icone de um calendárioEventos

Ícone de um jornal dobradoPublicações

ícone periódicosPortal de Periódicos

icone de uma filmadora com auto falanteAudiovisual

Você está aqui: Página Inicial / Livro organizado por professora da UNIRIO reflete sobre processos avaliativos na educação

Livro organizado por professora da UNIRIO reflete sobre processos avaliativos na educação

por comunicacao — publicado 25/11/2014 15h30, última modificação 25/11/2014 15h16
Lançamento será nesta quarta-feira, 26 de novembro, às 18h, no Espaço Cultural do Centro de Ciências Humanas e Sociais (CCH). Publicação é organizada pela docente e pesquisadora Claudia Fernandes, da Escola de Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGEDU)

Os processos de avaliação educacional têm sido bastante discutidos na atualidade, em especial no que se refere às concepções quantitativas ainda predominantes nas escolas.

Para contribuir com a reflexão sobre o tema, acaba de ser publicado o livro Avaliação das aprendizagens - sua relação com o papel social da escola, organizado por Claudia Fernandes, professora e pesquisadora da Escola de Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGEDU) da UNIRIO.

O lançamento será nesta quarta-feira, 26 de novembro, às 18h, no Espaço Cultural do Centro de Ciências Humanas e Sociais (CCH), na Av. Pasteur, 458, Urca. Antes do lançamento, será realizado um encontro com pesquisadores, promovido pelo PPGEDU e aberto a todos os interessados.

Publicado pela Editora Cortez, o livro conta com a contribuição de professores e pesquisadores da UNIRIO e da USP, bem como de estudantes do PPGEDU. Na primeira parte, a obra apresenta concepções e ideias sobre avaliação; na segunda, mostra exemplos de processos avaliativos menos ortodoxos, que instigam professores a repensar suas práticas. Confira algumas páginas.

Segundo Claudia Fernandes, hoje se defende que a avaliação esteja relacionada à concepção de conhecimento construído, e não vise apenas à quantificação de sucesso ou fracasso escolar. “Embora tenhamos avançado, ainda prevalece nas escolas a visão da avaliação como um simples resultado”, observa a pesquisadora.

registrado em: Educação

Capes CNPQ Imagem Rede Unirio