código do Google analytics Projeto Teatro em Comunidades amplia atuação no Rio de Janeiro — Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Portal do Governo Brasileiro

Webmail | Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale ConoscoOuvidoriaImprensa

Central de Conteúdos

Icone de um calendárioEventos

Ícone de um jornal dobradoPublicações

ícone periódicosPortal de Periódicos

Ícone de uma filmadora na cor branca com findo azulVídeos

Você está aqui: Página Inicial / Projeto Teatro em Comunidades amplia atuação no Rio de Janeiro

Projeto Teatro em Comunidades amplia atuação no Rio de Janeiro

por comunicacao — publicado 13/04/2015 07h00, última modificação 13/04/2015 12h38
Com atividades desde 2011, projeto orienta grupos teatrais formados por adolescentes e adultos no Complexo da Maré e, a partir de 2015, também na Arena Carioca Dicró, na Penha

Promover a produção de conhecimento em teatro, bem como a prática artística e pedagógica estimulada pelo encontro entre a Escola de Teatro de UNIRIO e moradores do Complexo da Maré, na zona norte do Rio. Esse é objetivo do Programa de Extensão Teatro em Comunidades, criado em 2011 no Departamento de Ensino do Teatro e coordenado pela professora Marina Henriques Coutinho.

Pro meio do programa, estudantes do curso de Licenciatura em Teatro atuam como orientadores de grupos formados por adolescentes e adultos, em aulas que acontecem todos os sábados pela manhã. Em 2015, a iniciativa ampliou sua atuação para a Arena Carioca Dicró, na Penha, onde começou a funcionar mais um núcleo teatral, ao lado do CAM, na comunidade Nova Holanda, e do CMS Américo Veloso, em Ramos.

Desde o início das atividades, o programa já envolveu mais de 200 participantes e 24 estudantes da UNIRIO. No ano passado, o Teatro em Comunidades foi contemplado pelo Edital EXT PESQ da Faperj, o que permitiu a aquisição de materiais necessários às atividades e a criação de um website para o Programa.

Saiba mais em: http://teatroemcomunidades.com.br/.

Estudantes da UNIRIO ministram oficinas de teatro em comunidades do Rio (Foto: Divulgação)



Capes CNPQ Imagem Rede Unirio