código do Google analytics Pesquisadores da UNIRIO têm projetos selecionados em editais da FAPERJ — Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Portal do Governo Brasileiro

Webmail | Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale ConoscoOuvidoria Imprensa

Central de Conteúdos

Icone de um calendárioEventos

Ícone de um jornal dobradoPublicações

ícone periódicosPortal de Periódicos

icone de uma filmadora com auto falanteAudiovisual

Você está aqui: Página Inicial / Pesquisadores da UNIRIO têm projetos selecionados em editais da FAPERJ

Pesquisadores da UNIRIO têm projetos selecionados em editais da FAPERJ

por comunicacao — publicado 17/09/2018 17h20, última modificação 17/09/2018 17h49
Pesquisas de quatro docentes da Instituição integrarão os Programas ‘Cientista do Nosso Estado’ e ‘Jovem Cientista do Nosso Estado'

A Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ) divulgou no último dia 13 o resultado da seleção para os programas Cientista do Nosso Estado (CNE) e Jovem Cientista do Nosso Estado (JCNE), com a presença de quatro docentes da UNIRIO nas listas. As propostas selecionadas receberão recursos mensais por 36 meses, visando prover apoio para o desenvolvimento de seus projetos de pesquisa.

A professora Valéria Laneuville Teixeira, do Programa de Pós-graduação em Ciências Biológicas (PPGBIO), é a única representante da UNIRIO entre os contemplados pelo CNE. A pesquisa que ela irá desenvolver é intitulada Produtos Naturais de Algas Marinhas Bentônicas - sua diversidade e seus potenciais usos em Taxonomia, Biogeografia, Evolução e na Saúde. Também pertencente ao quando do PPGBIO, o professor Luciano Neves dos Santos foi um dos selecionados pelo edital do JCNE, com seu projeto sobre Respostas da ictiofauna nativa ao represamento de rios e à introdução de piscívoros invasores.

Também foram selecionadas pelo JCNE a professora Elisangela da Silva Bernado, do Programa Pós-graduação em Educação (PPGEdu), com o projeto Gestão e Educação em Tempo Integral no Brasil e em Portugal: aproximações e distanciamentos; e a professora Mariana Simoes Larraz Ferreira, do Programa de Pós-graduação em Alimentos e Nutrição (PPGAN), com o projeto Abordagem ômica no estudo da funcionalidade das proteínas e compostos bioativos do sorgo e do trigo.

Os programas CNE e JCNE destinam-se a apoiar, por meio de concorrência, projetos coordenados por pesquisadores de reconhecida liderança em sua área, com vínculo empregatício em instituições de ensino e pesquisa sediadas no estado do Rio de Janeiro. Em 2018, o CNE concedeu 169 bolsas, de um total de 467 solicitações. Já no programa JCNE, foram concedidas 111 bolsas, de um total de 474 solicitações. Ao todo, 28 instituições de ensino e pesquisa sediadas no estado do Rio de Janeiro foram beneficiadas. 


Capes CNPQ Imagem Rede Unirio