Portal do Governo Brasileiro

Portal de IdentificaçãoWebmail |  Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale Conosco |  Mapa do Site

PPGAN

Você está aqui: Página Inicial / Espetáculo ‘O Mambembe’ entra em cartaz nesta quinta-feira, dia 28

Espetáculo ‘O Mambembe’ entra em cartaz nesta quinta-feira, dia 28

por Comunicacao UNIRIO publicado 27/04/2016 10h20, última modificação 28/04/2016 08h22

Depois do sucesso de The Book of Mormon e O Jovem Frankenstein, chega aos palcos mais um espetáculo de Rubens Lima Junior: O Mambembe, de Arthur Azevedo e José Piza. A peça universitária entra em cartaz nesta quinta-feira, dia 28 de abril, na Sala Paschoal Carlos Magno, o Palcão, do Centro de Letras e Artes (CLA). 

As apresentações acontecem até o dia 15 de maio, de quinta a segunda-feira, sempre às 21h, com exceção de domingo, que será às 20h. A entrada é gratuita.

A montagem faz parte do projeto de pesquisa Teatro Musicado, coordenado pelo professor Rubens, que já encenou outras oito peças na Universidade, entre elas Spamalot, do grupo Monthy Pyhton, Rocky Horror Show, de Richard O´ Brien, e Cambaio, de Chico Buarque e Edu Lobo. Destaque para The Book of Mormon, vencedor do prêmio Tony de melhor musical em 2010, e peça com maior público no Rio de Janeiro em 2014, com 55 mil espectadores. Além do apoio da UNIRIO, o projeto conta com o patrocínio da Fundação Cesgranrio, do professor Carlos Alberto Serpa.

O Mambembe conta a história da mocinha Laudelina – vivida por Roberta Monção e Giulianna Farias, que revezam no papel principal –, que sonha em ser atriz. Ela se envolve com um grupo teatral mambembe, que faz paródias de melodramas e críticas às relações sociais. Rubens Lima Junior relembrou que a história de O Mambembe é um ícone no teatro brasileiro, tendo tido um grande reconhecimento de crítica, mas não de público, em 1904, quando a peça estreou. “O público só redescobriu o espetáculo com a montagem histórica de Gianni Ratto, em 1959, com Fernanda Montenegro fazendo a protagonista. Então, essa nossa montagem já cria uma expectativa na classe teatral. Muita gente tem curiosidade de saber como vai ser essa montagem, e a nossa expectativa é de que vai ser ótima!", concluiu.

O elenco é formado por estudantes da UNIRIO e de outras universidades federais. O texto foi adaptado por Alexandre Amorim, com canções de sua autoria em parceria com o diretor musical Guilherme Menezes e o produtor musical Gabriel Gravina. A Direção de Arte e Cenografia é de Cris de Lamare, a Direção de Produção é de Marcus Brandão, a iluminação é de Paulo César Medeiros e quem assina as coreografias é Gabriel Demartine.

O Teatro Paschoal Carlos Magno, Palcão da UNIRIO, fica na Av. Pasteur, 436, Fundos, Urca.  


Acesso a Informação Capes CNPQ