Portal do Governo Brasileiro

Portal de IdentificaçãoWebmail |  Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale Conosco |  Mapa do Site

NAU

Você está aqui: Página Inicial / Bolsistas de monitoria mostram na 13ª SIA o resultado de suas atividades

Bolsistas de monitoria mostram na 13ª SIA o resultado de suas atividades

por Comunicacao UNIRIO publicado 22/10/2015 20h55, última modificação 28/10/2015 08h31

Entre os eventos que integram a 13ª Semana de Integração Acadêmica (SIA) da UNIRIO está a 9ª Semana de Graduação, promovida pela Pró-Reitoria de Graduação (Prograd). Nesta quinta-feira, 22 de outubro, aconteceram as últimas sessões de pôsteres dos bolsistas de Monitoria, que atuam em práticas e experiências pedagógicas por meio de projetos de ensino de graduação.

Ao longo da Semana, foram apresentados cerca de 200 pôsteres, em diferentes áreas do conhecimento. O diretor de Programas e Atividades Especiais de Ensino de Graduação, Ronaldo Busse, elogiou o nível dos trabalhos e das apresentações. “Os estudantes e professores estão desenvolvendo ótimos projetos e aproveitando muito bem as bolsas”, avaliou.

O vice-reitor, Ricardo Cardoso, salientou a importância da interação entre pesquisa, ensino e extensão. “Esse é o momento em que as pró-reitorias se reúnem e interagem com a comunidade externa da UNIRIO, por meio da difusão do conhecimento produzido pelos alunos”, ressaltou. Ele também destacou a ampliação da SIA na edição deste ano, que contou com a I Jornada de Pós-Graduação.

Teoria e prática

A estudante de Nutrição Juliana Telles de Barros participa do projeto de monitoria em Controle Microbiológico dos Alimentos, coordenado pelo docente Victor Augustus Marin. Entre suas atividades está o acompanhamento do professor em sala de aula, auxílio na avaliação de trabalhos e na parte prática desenvolvida em laboratório.

Segundo Juliana, as atividades teóricas e práticas de ensino contribuem para uma melhoria no rendimento acadêmico dos estudantes e também para o aumento da frequência do laboratório de Controle Microbiológico da Escola de Nutrição. “A monitoria foi de grande importância também para mim, por ter permitido que eu aprimorasse meus conhecimentos na área de controle microbiológica dos alimentos”, observou a estudante.

Já o aluno de Ciências Biológicas Victor Cardoso, primeiro monitor da disciplina de Evolução, conta que, até ano passado, a ementa não incluía nenhum tipo de atividade além das aulas expositivas. A experiência de um ano de intercâmbio na Universidade de Glasgow (Escócia) lhe rendeu ideias para desenvolver um projeto de experimentação. “Decidimos promover intervenções durante as aulas, para que os alunos pudessem participar ativamente da construção do próprio conhecimento”, revelou.

Entre as novidades, houve debate e um seminário sobre a teoria da evolução e um exercício de analogia do tempo geológico com o tamanho da rampa do Instituto de Biociências (Ibio), atribuindo cada metro a uma respectiva época.

Com forte viés prático, a disciplina Assistência à Saúde do Idoso, ministrada no curso de Enfermagem, aborda, entre outros temas, a parada cardiorrespiratória. “Os estudantes são treinados para reconhecer e prestar socorro às vítimas do problema, não só no hospital, mas em qualquer ambiente”, explicou a monitora Jéssica Dantas dos Santos, que há três semestres atua nas aulas.

Jéssica apresentou os resultados do trabalho junto com o monitor Renato Fernandes e a docente Renata Flávia Abreu, coordenadora do projeto. Segundo a professora, os alunos da disciplina aprendem a executar procedimentos como “compressão torácica e ventilação artificial”. Em pesquisa realizada com os estudantes, a disciplina foi avaliada positivamente, pois, ao final do período, eles se consideram aptos a agir em casos emergência.

Pesquisa acadêmica

Além do trabalho clássico de monitoria, desenvolvido em sala de aula, alguns bolsistas realizam paralelamente atividades de pesquisa e extensão. É o caso do estudante Derek Godoy, do 6º período do curso de Ciências Biológicas, que participou da atualização do inventário de besouros (Coleoptera) da Coleção Didática do Departamento de Zoologia da UNIRIO, sob coordenação da professora Maria Inês Passos.

A recontagem realizada por Derek possibilitou a atualização do número de exemplares de 495 para 545 espécimes de besouros, utilizados por estudantes e professores da UNIRIO em aulas práticas. O Departamento de Zoologia também permite o empréstimo dos animais a colégios de ensino fundamental e médio, ou instituições de pesquisa que necessitem de um exemplar específico.

“Os exemplares que compõem essa coleção são provenientes principalmente de doações dos próprios alunos”, explicou Derek durante sua apresentação.

Graduado em Arquivologia no primeiro semestre deste ano, o egresso André Januário da Silva também transformou em pesquisa seu projeto de monitoria. As discussões promovidas na disciplina deram origem a seu trabalho de conclusão de curso, O jogo está sendo jogado: The Americans e a guerra informacional na produção de arquivos.

Com a pesquisa, André buscou problematizar a informação na contemporaneidade, analisando temas abordados pelo seriado norte-americano The Americans. A produção conta a história de dois espiões soviéticos infiltrados nos Estados Unidos nos anos 80 para coletar informações.

A 13ª SIA prossegue até sábado, dia 24, com palestras, seminário, minicursos, conferência internacional e apresentação de trabalhos de monitoria, pesquisa e extensão. Confira a programação completa.

(Daniela Oliveira e Gabriella Praça/Comso)

Bolsistas apresentaram seus trabalhos em sessões realizadas no CCH (Fotos: Comso)


Acesso a Informação Capes CNPQ