Portal do Governo Brasileiro

Portal de IdentificaçãoWebmail |  Guia Telefônico |  Perguntas Frequentes |  Fale Conosco |  Mapa do Site

Você está aqui: Página Inicial / Laboratório de Bioinformática foi inaugurado em cerimônia realizada no final da tarde desta terça-feira

Laboratório de Bioinformática foi inaugurado em cerimônia realizada no final da tarde desta terça-feira

por Comunicacao UNIRIO publicado 12/11/2014 12h15, última modificação 13/11/2014 09h26

“Estamos mudando o paradigma desta Universidade”. A sentença foi proferida pelo reitor da UNIRIO, Luiz Pedro San Gil Jutuca, no final da tarde desta terça-feira, dia 11 de novembro, em cerimônia de inauguração do Laboratório de Bioinformática e Biologia Computacional, na Sala dos Conselhos (campus da Reitoria).

Jutuca lembrou que, no passado, havia na Universidade uma demanda reprimida de pesquisadores com potencial, que não encontravam espaço para desenvolver seus projetos na instituição. Ele também destacou a trajetória da professora do Instituto Biomédico (IB) Joelma Mesquita, que irá coordenar o laboratório. “Como estudante da UNIRIO, ela foi minha aluna de cálculo. Isso é algo que nos envaidece muito: alguém que se forma na nossa Universidade, adquire outros conhecimentos fora e depois retorna para formar nossos estudantes”, disse.

Crescimento

O pró-reitor de Pós-Graduação e Pesquisa, Ricardo Cardoso, comemorou o forte crescimento da UNIRIO em relação ao número de programas de pós-graduação e de trabalhos científicos publicados nos últimos anos. “Bastou apostar no grupo de professores da nossa Universidade, para que eles mostrassem seu potencial em forma de resultados”.

O decano do Centro de Ciências Exatas e Tecnologia (CCET), Luiz Amâncio Machado, apontou a antiga parceria entre a professora Joelma e o Centro – que, atualmente, abriga uma estrutura de três servidores com oito processadores, em um total de 256 gigabytes de memória, além de uma rede com capacidade para armazenar 24 terabytes. O laboratório inaugurado conta com quatro computadores, que irão acessar os dados armazenados nessa rede.

Na cerimônia, Joelma ministrou palestra sobre simulação computacional de estruturas proteicas, apresentando os trabalhos desenvolvidos pelo Grupo de Pesquisa em Bioinformática e Biologia Computacional, pelo qual é responsável.

A pesquisadora também salientou as transformações pelas quais a UNIRIO tem passado ao longo do tempo. “Quando eu era aluna, a pesquisa na Universidade era muito difícil porque, naquela época, o fato de um professor ser da UNIRIO pesava negativamente”, lembrou. “Porém, graças ao trabalho árduo dos professores que insistiam em fazer pesquisa, hoje, a realidade é oposta: o vínculo com a UNIRIO é visto como algo positivo pelas agências de fomento”.

Da esquerda para a direita: reitor, Luiz Pedro San Gil Jutuca, coordenadora do laboratório, Joelma Mesquita, pró-reitor de Pós-Graduação e Pesquisa, Ricardo Cardoso, e decano do CCET, Luiz Amâncio Machado (Foto: Comso)

registrado em:

Acesso a Informação Capes CNPQ